domingo, 26 de agosto de 2018

Michel Temer: da Presidência para o lixo da História

A mídia e os candidatos golpistas fogem de Michel Temer, a 42 dias da eleição, como o diabo foge da cruz, levando-o a um quadro de isolamento político extremo jamais visto no Brasil.



Com apenas 2,7% de aprovação nas pesquisas, Temer é o presidente mais odiado pelos brasileiros e o político mais rejeitado do mundo.

Nem os candidatos oficiais dos golpistas — Henrique Meirelles, Geraldo Alckmin e Marina Silva — querem aparecer ao lado do Tinhoso.

O diabo é que esses quatro candidatos apoiaram toda a desgraceiras que o Vampirão Neoliberalista: reforma trabalhista, congelamento de investimentos na saúde e na educação, enfim, 14 milhões de desempregados.

Resumo da ópera: Temer sairá da Presidência, que ele surrupiou, diretamente para o lixo da História; nem seus comparsas de golpe lhe serão solidários.

esmaelmorais

Nenhum comentário :

Postar um comentário