Vídeo da Bomba russa KAB-1500LG destruindo uma fortificação dos terroristas na Síria - Noticia Final

Ultimas Notícias

Acompanhe o Noticia final nas Redes Sociais

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

sexta-feira, 14 de junho de 2019

Vídeo da Bomba russa KAB-1500LG destruindo uma fortificação dos terroristas na Síria

Um vídeo de um ataque usando a bomba KAB-1500LG sobre uma fortificação de militantes terroristas foi publicado. O ataque foi realizado pelo bombardeiro Su-34.

Um vídeo apareceu na Internet mostrando o uso da bomba  quebra concreto KAB-1500LG em condições de combate. As filmagens publicadas hoje mostram como os militantes se reuniram no campo de batalha e observaram o avião e a bomba ,eles tentaram se esconder no bunker, mas o golpe cai diretamente sobre eles


A KAB-1500LG é uma bomba aérea russa, que é equipada com uma cabeça de direção a laser / giro-estabilizado e é capaz de perfurar até três metros de estruturas de concreto armado ou até 20 metros de terra. 

A Precisão de impacto quando cai de uma altura de até 8 km é de 4 m . Os principais operadores da KAB-1500LG são o Su-24M, Su-34 e o Su-35.

O Esquema aerodinâmico da bomba  é "sem cauda". Os lemes biplanos, localizados atrás da cauda cruciforme, proporcionam alta manobrabilidade. A frente e cauda traseira são dobráveis. Este design permite que você coloque a KAB-1500LG nos compartimentos de bombas de grandes aeronaves, e não apenas na suspensão externa.

O local exato e o horário do vídeo são desconhecidos. Também não está claro qual grupo era o alvo do bombardeiro russo. 

O primeiro uso de combate da KAB-1500LG ocorreu em outubro de 2015 na Síria. Então o Su-34 da Federação Russa usou 2 bombas desse tipo contra alvos rebaixados. Outro caso registrado de aplicação diz respeito a 11 de abril de 2017, quando um caça-bombardeiro russo com a ajuda da KAB-1500LG destruiu um bunker terrorista localizado na cidade de Sarmin, perto de Idlib. A bomba também foi usada na Batalha de Salma e na área da cidade de Al-Lataminha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here