quarta-feira, 3 de julho de 2019

Boeing vai doar 100 milhões de dólares para famílias dos mortos em acidentes do 737 MAX

A Boeing destinou 100 milhões de dólares para as famílias das vítimas das duas catástrofes da aeronave 737 MAX, diz um comunicado publicado no site da companhia aérea.
Boeing 737 MAX


"Antes do Dia da Independência nos EUA [em 4 de julho], a Boeing anunciou US$ 100 milhões para famílias e as necessidades coletivas das pessoas afetadas pelos trágicos acidentes do vôo 610 da Lion Air e 302 da Ethiopian Airlines", diz o texto.

O CEO da Boeing, Dennis Muilenburg, disse que a empresa está focada em restaurar a confiança do cliente.

Muilenburg mais uma vez expressou suas condolências às famílias das vítimas.

Dois aviões Boeing 737 MAX caíram em menos de cinco meses, em março na Etiópia e em outubro de 2018 na Indonésia, matando um total de 346 pessoas.

Após os acidentes, diversas companhias suspenderam os voos com 737 MAX causando um colapso dos preços das ações da Boeing.

A investigação preliminar indica que os pilotos tiveram dificuldades com o software estabilizador MCAS (sigla em inglês para o Sistema de Aumento de Características de Manobras) e não conseguiram recuperar o controle da aeronave.

sputniknews

Nenhum comentário :

Postar um comentário