sábado, 27 de julho de 2019

França acusa a Rússia de usar satélite espião

A França mais uma vez acusou a Rússia de "espionagem espacial". Esta declaração foi feita pela ministra da Defesa Florence Parley, falando na quinta-feira, 25 de julho, na base da força aérea perto de Lyon.
França acusa a Rússia de usar o satélite espião


A chefe do departamento militar francês disse que o satélite russo Luch-Olimp estava envolvido no rastreamento de satélites franceses, o que poderia levar a um mau funcionamento de seu trabalho. 
O satélite russo deixou um cartão de visita em oito novas espaçonaves, que foram espionadas, queimadas ou cegadas.
- ela disse, sem explicar onde conseguiu essa informação. 
Lembre-se que no ano passado, Parley já agiu com tal acusação. Então ela disse que o mesmo “Luch-Olymp” estava espionando o satélite de comunicação franco-italiano Athena-Fidus e supostamente tentou se aproximar dele para “interceptar o sinal e remover informações dele”. 

A "Roscosmos" comentou as declarações da Ministra da Defesa da França e expressou dúvidas sobre a precisão dos dados expressos por ela. De acordo com o lado russo, Florence Parley expressou dados não verificados "obtidos de outro".
Devido ao fato de que apenas a Federação Russa e os Estados Unidos têm sistemas de monitoramento do espaço, gostaria de saber da Sra. Ministra, quem é a fonte da informação a que ela se refere?
- disse o serviço de imprensa da Roskosmos.

Nenhum comentário :

Postar um comentário