terça-feira, 9 de julho de 2019

Mídia alemã caracteriza novíssimo caça russo Su-57 como 'supervantajoso'

Sendo um caça russo de 5ª geração, o Su-57 foi chamado pela edição alemã Stern de "supervantajoso", tanto em termos de características técnicas como de preço.

A Mídia especifica que a indústria de defesa russa vem trabalhando em um caça com tecnologia furtiva há quase 10 anos e havia dúvidas se o conseguiria produzir. Contudo, no fórum militar internacional EXÉRCITO 2019 foi anunciado que o governo russo assinou um contrato para fornecer às Forças Armadas da Rússia 76 caças Su-57.

Caça franco-alemão

Eles deverão ser entregues à Força Aérea até 2028. São três as esquadrilhas que deverão receber os aviões que incluirão os últimos sistemas de armas. De acordo com a Stern, o caça furtivo franco-alemão, que está sendo desenvolvido, terá pouca probabilidade de ir além do protótipo de demonstração em 2028. Assim, o Su-57 russo não terá nada que se possa opor-lhe.

Izdelie 30

O artigo fala sobre o atraso na produção do caça russo. Segundo a mídia, isso se deve ao desenvolvimento do novo motor russo Izdelie 30, que está sendo preparado para seu lançamento em produção em 2020. O motor tem maior empuxo convencional, consome menos combustível e está equipado com um novo bocal, que possui a função de controlar o vector de empuxo.

Exportações militares

O fator decisivo para o desenvolvimento de caças de 5ª geração é a intenção da Rússia de continuar a aumentar o volume das suas exportações militares.
Se for possível reduzir o preço dos caças em 20%, estabelecendo-o em 31 milhões de euros por avião (R$ 132 milhões), ele será um produto supervantajoso no mercado mundial de armamentos. Assim, tanto a Índia como o Irã e a Turquia já demonstraram interesse no novo caça.
Rossiya Segodnya é a agência de notícias oficial do fórum 
militar EXÉRCITO 2019, enquanto a agência de notícias e 
rádio Sputnik participa como parceira de mídia internacional
 do fórum.

Nenhum comentário :

Postar um comentário