Nos EUA, começou a formar um "cemitério" de Boeing 737 Max não utilizado - Noticia Final

Ultimas Notícias

Acompanhe o Noticia final nas Redes Sociais

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

domingo, 21 de julho de 2019

Nos EUA, começou a formar um "cemitério" de Boeing 737 Max não utilizado

No sul da Califórnia (EUA), no aeroporto de logística de Victorville, foi descoberto um “cemitério” de mais de 30 aviões de passageiros Boeing 737 Max da Southwest Airline. E, como diz as fontes ocidentais no relatório da indústria da aviação, esses aviões vão ficar lá pelo menos até novembro de 2019.



As aeronaves permanecerão lá até que a proibição de seus voos seja suspensa. O fato é que os Estados Unidos, como muitos outros países, suspenderam os vôos deste tipo de aeronave, após vários acidentes com a aeronave, que resultaram na morte de um grande número de pessoas. E, aparentemente, um padrão semelhante é observado em outras companhias aéreas que usam aeronaves desse tipo. 

Deve-se notar que o Boeing 737 MAX é a última geração de aeronaves da fabricante de aeronaves americana. Sua operação começou em 2017 e eles tinham grandes esperanças. 

No entanto, em outubro de 2018, na Indonésia ,aconteceu o acidente do avião voando na rota Jakarta-Pangkalpinang, voo JT-610. A bordo estavam 189 pessoas (181 passageiros e 8 tripulantes) - todos morreram. Em março de 2019, o Boeing 737 MAX da Ethiopian Airlines caiu na Etiópia (a maior companhia aérea do continente africano), todas as 157 pessoas a bordo morreram (149 passageiros e 8 tripulantes). O avião voava de Addis Ababa (a capital da Etiópia) para Nairobi (a capital do Quênia).

Depois disso, a China (ela foi a primeira) e mais de 20 países do mundo fecharam seu espaço aéreo para os voos dessas aeronaves. Muitas companhias aéreas pararam de usá-las ou se recusaram a comprar, e a Administração Federal de Aviação dos EUA proibiu sua operação até que todas as circunstâncias fossem esclarecidas e as violações encontradas na operação do sistema de correção de manobras (MCAS) fossem removidas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here