Rússia recusou-se a compensar a Bielorrússia pelo aumento dos preços do petróleo - Noticia Final

Ultimas Notícias

Acompanhe o Noticia final nas Redes Sociais

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

sábado, 20 de julho de 2019

Rússia recusou-se a compensar a Bielorrússia pelo aumento dos preços do petróleo

O vice-ministro das Relações Exteriores, Grigory Karasin, expressou a posição da Rússia em relação às alegações da Bielorrússia para compensar as perdas que sofreu como resultado da "manobra fiscal" russa. 

Em entrevista à RIA Novosti, o diplomata disse que a “manobra fiscal” é um direito soberano da Rússia e, portanto, é simplesmente incorreto falar sobre qualquer compensação para o lado bielorrusso. 


Segundo ele, podemos falar apenas sobre a possível assistência a Minsk na superação das conseqüências da "manobra fiscal" russa. 

Ele observou que a questão da assistência possível está em fase de elaboração e será resolvida de forma abrangente, mas agora é prematuro fornecer-lhe estimativas. 

Em resultado da manobra fiscal da Rússia, a Bielorrússia foi privada da oportunidade de receber lucros elevados na revenda de petróleo e produtos petrolíferos para países terceiros e, em primeiro lugar, para a Ucrânia. 

A privação de tal oportunidade imediatamente mostrou como a economia bielorrussa dependia do dinheiro recebido na revenda do petróleo e produtos petrolíferos russos. 

Lembre-se que o chefe do governo russo, Dmitry Medvedev, em janeiro deste ano manifestou a sua vontade de apoiar a economia da Bielorrússia com empréstimos, mas a questão da compensação não foi considerada.

topcor

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here