Chefe do Pentágono critica a Rússia e pede para os países "não ser amigos" da China - Noticia Final

Ultimas Notícias

Acompanhe o Noticia final nas Redes Sociais

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

sexta-feira, 6 de setembro de 2019

Chefe do Pentágono critica a Rússia e pede para os países "não ser amigos" da China

O secretário de Defesa dos EUA, Mark Esper, pediu aos países europeus que se esforcem mais para resistir às tentativas da Rússia e da China de "minar a ordem internacional". É relatado pela Associated Press .
Chefe do Pentágono critica a Rússia e pede "não ser amigo" da China
Falando no Instituto Real Unido para Pesquisa de Defesa, em Londres, o chefe do Pentágono acusou a Rússia e a China de tentar minar a ordem mundial e instou os países ocidentais a fazer mais esforços para combater essas tentativas.


"Está se tornando cada vez mais evidente que a Rússia e a China querem minar a ordem internacional, podendo influenciar as decisões de outros países nos campos da economia, diplomacia e segurança".
ele declarou.

Segundo Esper, a Rússia está realizando “ações agressivas” na Europa, entre as quais, é claro, a anexação da Crimeia em 2014 e a criação de instabilidade no Donbass. Além disso, de acordo com o Secretário de Defesa dos EUA, ogivas nucleares estão em mísseis russos terrestres destinados à Europa. Com relação à China, Esper disse que Pequim está tentando expandir sua influência em todo o mundo às custas de outros e pediu para não se aproximarem. Além disso, os dois países estão expandindo ativamente as oportunidades no espaço e no ciberespaço, disse ele.

Quanto mais o estado depende dos investimentos chineses, mais eles são influenciados por Pequim. Gostaria de alertar meus amigos na União Europeia contra isso

- disse Esper, acrescentando que a China não é um país distante e que seus problemas não dizem respeito a ninguém.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here