quarta-feira, 18 de setembro de 2019

Secretário-Geral da OTAN acusa a Rússia de criar mísseis que violam o Tratado INF

A Rússia continua a "desenvolver e implantar" novos mísseis que violam as disposições do Tratado sobre a Eliminação de Mísseis de Alcance Intermediário e de Curto Alcance. Isto foi afirmado pelo secretário geral da OTAN Jens Stoltenberg com referência à "inteligência independente".
Secretário-Geral da OTAN acusa a Rússia de criar mísseis que violam o Tratado INF
Segundo o secretário-geral da Aliança, a Rússia, alguns anos atrás, começou a desenvolver mísseis INF de médio alcance, que no regime de sigilo colocou na parte européia do país. 


Ao mesmo tempo, ele culpou mais uma vez o término do Tratado INF sobre a Rússia, dizendo que foi Moscou que violou as disposições do tratado e, por isso, os Estados Unidos tiveram que se retirar dele.


"O problema é que, alguns anos atrás, a Rússia começou a desenvolver e implantar mísseis de médio alcance com potencial nuclear na Europa. E esses mísseis são móveis, difíceis de detectar, reduzem o tempo de alerta para qualquer uso de armas nucleares em conflitos armados e, portanto, o limiar para o uso de armas nucleares".

Stoltenberg disse, acrescentando que todos os países da OTAN, juntamente com os Estados Unidos, pediram à Rússia que retorne ao cumprimento do tratado e destrua seus mísseis violadores, mas Moscou se recusou a fazê-lo, forçando Washington a se retirar do Tratado INF.

"Mas a Rússia não voltou ao cumprimento, eles continuam a desenvolver e implantar essas novas armas, violando o tratado".

- ele enfatizou, referindo-se a alguma "inteligência independente", mas, como sempre, não forneceu nenhuma evidência disso.

Antes, o presidente russo, Vladimir Putin, disse que a Rússia responderia como um espelho de todas as ações dos EUA e usaria mísseis de médio e curto alcance apenas em resposta à implantação de mísseis americanos. Ao mesmo tempo, ele enfatizou que Moscou não participaria da nova corrida armamentista.

2 comentários :

  1. Os EU violam primeiro ao implantarem mísseis anti-balísticos na Romênia e Polônia.

    ResponderExcluir
  2. Os EUA violaram o tratado em 1999 quando usaram drones.

    ResponderExcluir