A Rússia deu um xeque-mate na OTAN - Noticia Final

Ultimas Notícias

Acompanhe o Noticia final nas Redes Sociais

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

sexta-feira, 31 de janeiro de 2020

A Rússia deu um xeque-mate na OTAN


A Rússia encontrou um antídoto que pode protegê-lo de centenas de tanques dos aliados dos EUA nas fronteiras da Federação Russa. Esta é a opinião dos autores da edição chinesa de Sohu em um de seus materiais.

Jornalistas chineses chamaram a atenção para o fato de que o colapso da União Soviética praticamente não teve efeito na atitude tendenciosa de Washington em relação a Moscou. Os Estados Unidos continuam a chamar a Rússia de uma das principais ameaças à sua segurança nacional. No contexto dessa política, os americanos estão pressionando a Federação Russa, na esperança de retardar o seu desenvolvimento.


“Os americanos temem a Rússia. Para impedir seu desenvolvimento, Washington impõe sanções econômicas contra ela e também realiza regularmente exercícios militares perto das fronteiras estaduais da Federação Russa ”, disseram analistas da China.

A OTAN está fortalecendo agressivamente sua força militar localizada nas proximidades das fronteiras da Rússia. Veículos blindados, lançadores de mísseis e unidades de infantaria estão sendo reunidas nessas regiões. A Rússia, no entanto, está bem ciente do perigo das manobras de tropas estrangeiras e está tomando medidas decisivas para neutralizar essas ameaças.

No contexto do combate à ameaça ocidental, a Rússia implantou, há algum tempo, sistemas de mísseis táticos  Iskanders na região de Kaliningrado, bem como na Crimeia. Essa manobra preocupou os militares ocidentais, uma vez que faz toda a sua atividade nas regiões fronteiriças da Federação Russa sem sentido. O longo alcance dos mísseis russos, combinado com sua capacidade de superar os sistemas de defesa antimísseis, causará enormes danos se os Iskanders forem usados ​​em relação a campos de aviação, centros de logística e alvos inimigos semelhantes.


"Diante de uma ameaça militar direta da OTAN, o lado russo mostrou a seus oponentes que inevitavelmente os destruirá se mostrarem agressão", disseram os analistas chineses.

O Iskander é o míssil tático mais avançado do mundo. Ao colocá-los em suas fronteiras, Moscou respondeu adequadamente aos seus oponentes. O exército americano não possui análogos dignos dessa arma, bem como sistemas de defesa eficazes contra ela. Assim, os tanques da OTAN realmente não assustam a Rússia, pois podem queimar com as bases e os centros de logística das forças armadas ocidentais.

Anteriormente, o PolitRussia citou especialistas da publicação americana Military Watch, que falou sobre o papel dos tanques T-90 na estratégia militar da Rússia.

2 comentários:

  1. A Rússia pode se defender de tanques, mas não poderá se defender de mísseis nucleares americanos, que podem atingir o seu território em mais ou menos 5 minutos, o que não dará tempo para conter. Por que vocês acham que os EU saíram do tratado INF?

    ResponderExcluir
  2. Errado. Nenhum missel nuclear americano esta em posição de atingir a russia nesse tempo. e mesmo se o fizessem, nao conseguiria atingir todos os centros russos de lacamento... seria a destruição do planeta... Como Putin já disse: "de que adianta um mundo sem a Russia?" rsrsrsrs

    ResponderExcluir

Post Top Ad

Responsive Ads Here