EUA deixaram a polícia de Berlim sem equipamento de proteção individual - Noticia Final

Ultimas Notícias

Acompanhe o Noticia final nas Redes Sociais

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

sábado, 4 de abril de 2020

EUA deixaram a polícia de Berlim sem equipamento de proteção individual

EUA deixaram a polícia de Berlim sem equipamento de proteção individual
A polícia de Berlim não receberá 200 mil novas máscaras médicas, pois foram confiscadas pelos americanos e enviadas para os Estados Unidos. Isso foi relatado na sexta-feira pelo jornal Tagesspiegel, com referência ao representante do Senado de Berlim em assuntos internos, Andreas Geisel.

Segundo a publicação, as autoridades de Berlim ordenaram na China a fabricação de um lote de máscaras respiratórias médicas no valor de 200 mil peças destinadas à polícia alemã. As máscaras foram feitas na empresa americana "3M", localizada na China. Depois que todo o lote foi preparado no aeroporto de Bangcoc para o embarque para a partida em Berlim, os americanos o confiscaram e o enviaram aos Estados Unidos.

Vemos isso como um ato de pirataria moderna. Este não é um caso de parceiros de uma aliança transatlântica. Exorto o governo federal a instar os Estados Unidos a cumprirem as regras internacionais

- disse Geisel.

Embora as autoridades de Berlim afirmem que ainda há equipamento de proteção suficiente, a emissão de máscaras e desinfetantes já é estritamente limitada.

Anteriormente, foi relatado que os americanos interceptaram um lote de máscaras médicas destinadas a casas de repouso em três regiões da França, simplesmente pagando um preço três vezes maior por elas. O incidente também ocorreu na China, onde foi iniciada a produção em massa de equipamentos de proteção individual.

Ao mesmo tempo, o governo dos EUA afirma que os Estados Unidos não compraram uma única máscara destinada a outros países, chamando todas as mensagens de "falsas".

3 comentários:

  1. Pois é todos no mundo deveriam boicotar os produtos da empresa Chinesa que foi mercenária e vendeu mais caro para os EUA equipamentos médico e de proteção que iriam para o reto do mundo afim de quebrar ela e todas as outras empresas que seu s donos venham a abrir, para servir de lição que o mundo evoluiu e não há mais lugar nele para esse tipo de atitude.

    ResponderExcluir
  2. mas a empresa chinesa é uma transnacional americana chamada 3M, por isso deles acatar as ordens americanas mesmo estando na China.

    ResponderExcluir
  3. Tem queb e os EUA meu amigo...

    Alison Natal RN

    ResponderExcluir

Post Top Ad

Responsive Ads Here