Rafale x MiG-35: indianos já se arrependem de ter escolhido o caça francês - Noticia Final

Ultimas Notícias

Acompanhe o Noticia final nas Redes Sociais

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

terça-feira, 14 de abril de 2020

Rafale x MiG-35: indianos já se arrependem de ter escolhido o caça francês


O contrato para a aquisição do avião de caça francês Rafale pela Índia não parecia justificar o desejo dos compradores, já que o lado francês não foi capaz de cumprir essas obrigações. Portanto, a chegada do primeiro lote de aeronaves será adiada devido à pandemia do COVID-19, que afetou severamente a França e a Europa como um todo, escreve o jornal indiano The Hindu.

Além disso, a sociedade indiana está discutindo possíveis circunstâncias obscuras do acordo com os franceses. O fato é que o preço de uma aeronave, como se viu, é de 210 milhões de euros, o que é várias vezes maior que o valor declarado originalmente.

Os Estados Unidos também anunciaram anteriormente seu desejo de vender seus caças F-35 para a Índia. No entanto, a Índia se recusa a comprar equipamentos caros e sem alta qualidade e está interessada no MiG-35 produzido pela Federação Russa. Segundo os especialistas, as aeronaves russas são mais baratas e fáceis de manter. Num futuro próximo, a produção conjunta de caças russo-indianos é muito provável.

O coronavírus não força a todos os países a adiar a implementação de contratos. Portanto, em outubro de 2018, foi assinado um contrato em Nova Délhi entre a Rússia e a Índia para o fornecimento dos mais recentes sistemas de mísseis S-400. O contrato será concluído dentro do prazo:

A pandemia de coronavírus não afetará o cronograma dos contratos militares russo-indianos, incluindo o fornecimento de sistemas S-400.

- disse o embaixador da Índia na Rússia, Bala Venkatesh Varma.

Se a Índia encomendasse caças MiG-35 em vez dos Rafales franceses, a Índia receberia os aviões de combate a tempo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here