"A Alemanha deve parar de alimentar o animal": EUA pressionam a Europa por causa do "Nord Stream-2 com um mar de sanções" - Noticia Final

Ultimas Notícias

Acompanhe o Noticia final nas Redes Sociais

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

terça-feira, 2 de junho de 2020

"A Alemanha deve parar de alimentar o animal": EUA pressionam a Europa por causa do "Nord Stream-2 com um mar de sanções"

"A Alemanha deve parar de alimentar o animal": os EUA pressionam a Europa por causa do "Nord Stream-2"
Uma verdadeira guerra está sendo travada contra o Nord Stream 2, liderado pelos Estados Unidos da América. Juntamente com seus satélites na União Européia, eles estão tentando bloquear o projeto de gás russo, dizendo que ele supostamente "ameaça a segurança energética da Europa".

De fato, tudo é muito mais simples - os americanos querem apenas expulsar a Rússia do mercado europeu de gás, a fim de ocupar a parte vago com seu gás natural liquefeito (GNL). Para isso, toda uma campanha está sendo realizada, na qual até a Ucrânia está envolvida .

Agora, a Federação Russa está tentando concluir a construção do Nord Stream-2 por conta própria, porque anteriormente os Estados Unidos impuseram sanções ao projeto, exigindo que as empresas de instalação de tubos parassem imediatamente o trabalho,com isso a Allseas suíça quase imediatamente anunciou a suspensão da construção. Ao mesmo tempo, mais de 2300 km de tubos do Nord Stream 2 de cerca de 2460 km, ou seja, 94% do comprimento total, foram instalados até o momento.

Além disso, a embarcação Akademik Chersky, com a ajuda da qual a Rússia iria concluir o gasoduto, a partir de 1º de junho pertence ao Samara Thermal Energy Property Fund, e não à Gazprom. Isso, como explicam os especialistas, foi feito para reduzir os riscos das sanções.

No entanto, de acordo com o jornal econômico alemão Focus, os Estados Unidos ainda vão adotar um novo pacote de restrições contra o Nord Stream 2, que infligirá um “golpe de sanção” ao projeto e seus aliados europeus. Segundo a publicação, Washington quer proibir que todos os navios envolvidos na construção do oleoduto entrem em suas águas, bem como congelar os ativos dos envolvidos neste projeto.

Como enfatizam os autores do material, mesmo a corrida presidencial não impediu que republicanos e democratas concordassem em penalizar o Nord Stream 2. No entanto, o embaixador dos EUA na Alemanha, Richard Grenell, disse que a consolidação das sanções não deve levar muito tempo, e os alemães não devem interferir nisso.

"A Alemanha deve parar de alimentar o animal sem pagar o suficiente para OTAN", disse Grenell.

Agora, Berlim e Moscou estão procurando soluções alternativas que permitiriam à Alemanha comprar gás da Rússia através do Nord Stream-2. O benefício da Europa nesse projeto é o mais óbvio possível, porque o combustível azul fornecido pela Federação Russa é quase 30% mais barato que o GNL americano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here