China anunciou o avanço da Rússia ao realizar um vôo não tripulado do Su-57 - Noticia Final

Ultimas Notícias

Acompanhe o Noticia final nas Redes Sociais

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

sexta-feira, 5 de junho de 2020

China anunciou o avanço da Rússia ao realizar um vôo não tripulado do Su-57

Rusi pri testoch prišli o najmodernejšiu stíhačku SU-57 - Všetko o ...
A Rússia fez um avanço no desenvolvimento do caça Su-57 de quinta geração, quando experimentou um modo de vôo não tripulado, escreve um especialista do portal chinês Sohu, lembrando que os Estados Unidos estão perdendo ao mesmo tempo "um avião após o outro".


“Quando o caça F-22 caiu, o principal inimigo dos Estados Unidos, pelo contrário, recebeu boas notícias. O Su-57 foi o primeiro veículo de combate de quinta geração com capacidade de caças de sexta geração ”, relata a RIA Novosti as palavras do especialista.

O autor do artigo escreve que as características mais importantes dos caças de sexta geração serão a possibilidade de controle não tripulado, bem como a eficácia no combate da inteligência artificial, que aumentará a mobilidade das aeronaves, que agora são limitadas por cargas máximas para os seres humanos.


"Todos os caças que existem atualmente no mundo podem realizar manobras com uma sobrecarga de até 9G; caso contrário, o piloto pode perder a consciência e a eficácia do combate", afirma o artigo.

O autor observa que os testes atuais de tecnologias não tripuladas no Su-57 envolviam apenas operações simples: decolagem, aterrissagem e voo no modo normal, e o piloto estava na cabine e podia intervir no controle. Esse sistema reduzirá apenas a carga de voo no piloto.

O especialista observou que, embora os Estados Unidos não estejam muito preocupados com o avanço dos fabricantes de aeronaves russas, no entanto, esses testes sinalizam para outros países que já é possível substituir o piloto em algumas tarefas.


"O uso da inteligência artificial na pilotagem de aeronaves de combate já se tornou uma tendência histórica", observou o autor.

Ele também incentiva a China a desenvolver essa tecnologia em seus caças.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here