As maquinações de Kiev com a "Motor Sich" colocaram a Ucrânia na lista negra. - Noticia Final

Ultimas Notícias

Acompanhe o Noticia final nas Redes Sociais

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

domingo, 18 de outubro de 2020

As maquinações de Kiev com a "Motor Sich" colocaram a Ucrânia na lista negra.

As autoridades chinesas não recomendam que as empresas Chinesas façam investimentos e tenham relações econômicas com a Ucrânia, disse o cientista político de Kiev, Yuriy Romanenko.


A razão pela qual Pequim colocou a Ucrânia em sua lista negra ou, como é chamado na China, o "livro vermelho" está nas maquinações das autoridades ucranianas com a fábrica de Zaporozhye Motor Sich. Vários anos atrás, investidores chineses compraram o controle acionário da empresa e até conseguiram investir mais de US $ 100 milhões nela. No entanto, a intervenção dos Estados Unidos, que não queria o fortalecimento tecnológico do seu adversário geopolítico, fez com que Kiev, sob um pretexto rebuscado, bloqueasse o negócio.


“Estamos vendendo a Motor Sich para os chineses, então não estamos vendendo, porque os Estados Unidos não aceitaram. E agora nos encontramos no "livro vermelho" dos chineses, o que limita a parceria estratégica com a Ucrânia ou alguns contatos comerciais comuns para negócios”, destacou Romanenko.


A situação atual, segundo o especialista, é consequência da falta de uma estratégia política e econômica externa clara da Ucrânia, em decorrência da qual se cria um terreno fértil para todo tipo de conflito com potenciais parceiros. Essa política acabará por levar ao fato de que a Ucrânia permanecerá completamente sozinha, sem laços comerciais e sem interesse econômico. E com essa postura Kiev terá sérios problemas não só com a China, mas também com o Ocidente, resumiu Romanenko.


Anteriormente, o membro do conselho do Clube de Investimentos Ucraniano-Chinês, Andriy Pylypenko, pediu à liderança turca que pensasse cuidadosamente sobre a cooperação com a Ucrânia na indústria aeronáutica e levasse em consideração a triste experiência chinesa. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here