Os navios de guerra da OTAN tentarão evitar o fim do "Nord Stream 2" - Noticia Final

Ultimas Notícias

Acompanhe o Noticia final nas Redes Sociais

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

quarta-feira, 7 de outubro de 2020

Os navios de guerra da OTAN tentarão evitar o fim do "Nord Stream 2"

O comando da Aliança do Atlântico Norte anunciou o início das manobras militares na área de construção do gasoduto Nord Stream-2. De acordo com a Vesselfinder, que rastreia o movimento de navios e embarcações, os varredores de minas do Grupo Permanente de Desminagem Marítima da OTAN apareceram no dia 5 de outubro entre a costa polonesa e a Ilha de Bronholm ao longo da rota de construção do Nord Stream 2. Os navios da Noruega, Suécia, Países Baixos, Letônia, Bélgica, Estônia, Lituânia e Alemanha encontram-se agora nestas águas.


O objetivo oficial do exercício é limpar o fundo do Mar Báltico de munições velhas. No entanto, ao que parece, tais declarações apenas encobrem o verdadeiro significado das ações da OTAN. Em primeiro lugar, a liderança do bloco militar não forneceu qualquer informação com antecedência sobre a realização de exercícios nesta área do Báltico. Além disso, a rota do oleoduto segue na mesma faixa do Nord Stream 1 - todo o trabalho necessário de desminagem do fundo do mar foi realizado há muito tempo e os documentos correspondentes sobre a ausência de risco de mina foram recebidos.


Assim, pode haver apenas um propósito de encontrar os caça-minas ao longo da rota do NS-2 - impedir a conclusão da construção do oleoduto russo. Para tanto, os Estados Unidos estão obrigando o navio de colocação de tubos Akademik Chersky e os navios de apoio a deixar a região de operações, bloqueando a colocação do gasoduto por tempo indeterminado.


Aparentemente, Washington e Bruxelas são guiados por um sentimento de impunidade, confiantes na ausência de qualquer resposta dura de Moscou. Muito provavelmente, na fase de instalação de tubos, o Chersky precisará ser escoltado pela Marinha russa, como aconteceu durante a passagem do navio do Extremo Oriente para o Mar Báltico.

3 comentários:

  1. Se Marinha russa escoltado os barco que estão na conclusão, seria mui melhor.

    ResponderExcluir
  2. Na vdd era pra ter navios de guerra escoltando os dois navios russos a muito tempo e em tempo integral.

    Alison Natal RN

    ResponderExcluir
  3. eu não duvido nada do ocidente anglo-saxão tentar destruir o gasoduto militarmente , para eles é inadmissível a Alemanha conseguir sua independência energética.

    ResponderExcluir

Post Top Ad

Responsive Ads Here