Sohu chinês: a Índia não recebeu o caça russo Su-57, é não receberá o F-35 americano - Noticia Final

Ultimas Notícias

Acompanhe o Noticia final nas Redes Sociais

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

segunda-feira, 12 de abril de 2021

Sohu chinês: a Índia não recebeu o caça russo Su-57, é não receberá o F-35 americano

A imprensa chinesa avalia a situação da Força Aérea indiana. A ênfase está no fato de que a Índia realmente perdeu as chances de receber um caça de quinta geração nos próximos anos, tendo se retirado do programa conjunto FGFA com a Rússia.


Edição chinesa Sohu:


Os sonhos indianos de um jato de combate de quinta geração se choca contra a realidade.


O autor da mídia chinesa escreve que a Índia não recebeu o Su-57 russo e que o F-35 americano ela também não receberá. Foi notado que os Estados Unidos estão forçando um contrato para a compra de "versões especiais de caças F-16 para a Índia - o F-21". Mas essas aeronaves não podem ser classificadas como capazes de renovar a frota de aeronaves.


Sohu:


A eficácia real de combate da Força Aérea Indiana é muito pior do que seus números no papel.


Ressalta-se que, ao vender para a Índia, o preço das aeronaves está crescendo de forma estranha. Um exemplo é um acordo com os franceses para o fornecimento de caças Rafale. Em última análise, cada um dos Rafales está custando ao orçamento indiano mais de US $ 200 milhões. E na própria Índia, muitos estão convencidos de que isso não foi sem um componente de corrupção.


Material:


A Índia estava de olho nos caças F-35, mas os EUA encharcaram os indianos com um balde de água fria.


O autor chinês escreve que os americanos não estão prontos para incluir Nova Delhi entre os compradores de seus caças mais novos por causa do contrato com a Rússia para o fornecimento de sistemas de mísseis antiaéreos S-400.


A mídia chinesa ressalta que a Índia "não tem nenhuma estratégia clara para renovar sua frota de aeronaves".


É importante lembrar que a Índia vai criar seu próprio caça de 5ª geração. Mas, na melhor das hipóteses, ele poderá entrar na Força Aérea Indiana apenas em 2032. Este é um projeto de aeronave AMCA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here