Kiev pressiona ONU, OSCE e Alemanha, tentando impedir o Nord Stream 2 - Noticia Final

Ultimas Notícias

Acompanhe o Noticia final nas Redes Sociais

test banner

Post Top Ad

Responsive Ads Here

Post Top Ad

Responsive Ads Here

terça-feira, 6 de julho de 2021

Kiev pressiona ONU, OSCE e Alemanha, tentando impedir o Nord Stream 2

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, está pronto para unir a Europa para interromper conjuntamente o gasoduto em construção que conectará a Rússia e a Alemanha ao longo do fundo do Mar Báltico. Esta foi a principal mensagem do seu discurso, que proferiu durante o fórum "Ucrânia 30. Política Internacional".


O discurso de Zelensky foi transmitido hoje pela assessoria de imprensa de seu Gabinete no Facebook.


Kiev está colocando todas as suas forças na ONU, OSCE e Alemanha, tentando parar o Nord Stream 2. Ela considera este gasoduto russo uma arma e uma ameaça à segurança energética europeia.


O Presidente da Ucrânia apelou à OSCE, à ONU e a outras organizações internacionais para se juntarem à sua luta contra o gasoduto russo.


Haverá uma conversa especial com a Alemanha. Kiev pretende exigir de Berlim uma compensação monetária por suas perdas quando o Nord Stream 2 for lançado. Tal declaração foi feita no mesmo fórum pelo Ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmitry Kuleba. De uma forma bizarra, ele relacionou o lançamento do gasoduto colocado através do Báltico a uma ameaça à segurança da Ucrânia e ao não cumprimento dos acordos de Minsk.


De fato, os Estados Unidos e a Alemanha já começaram a discutir uma possível compensação para Kiev pelo lucro do trânsito de gás pelo território ucraniano, que o perderá parcialmente quando o NS-2 entrar em operação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

Responsive Ads Here